Mutatis Mutandis #1: Mudando o que precisa ser mudado.

“A tragédia da educação moderna é que nos deixou perigosamente ignorantes de quem somos, onde estamos, de onde viemos e para onde vamos”. (G. K Chesterton). Mutatis Mutandis é uma expressão latina que significa “mudando o que precisa ser mudado”. Paulo Freire, o maior educador brasileiro, costumava afirmar que o ser humano vem ao mundo para “ser mais”. O conceito de “ser mais” incita, em cada indivíduo, o ato, a força, a coragem de se potencializar, de se emancipar, de romper os grilhões que o impedem de ser, a cada dia, uma pessoa melhor. “Ser mais” é basicamente ser um ser humano melhor que no dia anterior. Ser melhor pai, melhor filho, melhor cidadão, melhor estudante etc. Aqui, dadas as intrínsecas limitações de propósitos, o objetivo é trabalhar apenas um desses aspectos: ser um melhor estudante. Isso, todavia, não impede ninguém de buscar outras melhorias, usando, inclusive, ideias aqui trabalhadas. As grandes questões são: Como “ser mais”? Como ser um estudante melhor? O que fazer quando nós somos o obstáculo ao nosso próprio desenvolvimento? A resposta sem dúvida é: mudando o que precisa ser mudado. Não é por acaso, então, que o nome deste nosso projeto será Mutatis Mutandi. Excelente, mas como se muda o que precisa ser mudado? Bem, isso será aqui trabalhado rotineiramente e envolve um grande complexo de ações e compreensões. O ponto de partida, todavia, novamente, será Paulo Freire, que costumava afirmar que o “ser mais” para ser construído exige espaços de “ação-reflexão e reflexão-ação”, que nos propiciem pensar em tais questões e agir. Logo, a ideia deste projeto é gerar trocas de informações, boas práticas, reportar dificuldades para gerar uma catarse em grupo, bem como poder relatar boas experiências que têm ajudado cada um dos que estão nesta luta para “ser mais”. Assim sendo, acompanhe cada uma das reflexões do Mutatis Mutandis, compartilhe seus problemas, boas práticas e vamos juntos avançar nesta jornada. #mutatismutandis

0 0 vote
Article Rating

#Ação1:

1 - Crie um Plano de Estudos Realista (Crie mesmo! Escreva, organize. Não faça apenas mentalmente).
2 - Tente começar (se for iniciante) estudando pelo menos de duas a quatro horas líquidas por dia.
3 - Organize sua Bibliografia.
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x